Ética e sociedade

Profa. Sonia A. G. Pinotti

A sociedade atual tem contribuído para a existência de pessoas que não possuem apreço e respeito à vida. A violência social, seja como uma forma de sobrevivência frente às adversidades criadas pelo ambiente, pela conquista de novos espaços, ou pela imposição de uma diferenciação entre os indivíduos, tem gerado relações sociais ruins e falta de comprometimentos e de responsabilidades sociais.

Diante dessa realidade é preciso que os educadores trabalhem com temas como o respeito à vida, a natureza, raças e etnias, enfim, uma educação para a saúde e qualidade de vida. Com todos os valores citados, podemos acrescentar a Ética, expressão que possui diversos significados: filosófico, profissional, político e religioso.

A palavra Ética é derivada do grego e significa àquilo que pertence ao caráter, a busca do melhor estilo de vida, do melhor modo de viver, do pensamento humano normal e sadio.

Ética é o nome dado ao ramo da Filosofia dedicado aos assuntos morais. Lida com o que é moralmente bom ou mau, certo ou errado. As palavras ética e moral, tem a mesma base etimológica, significam hábitos e costumes.

Na Filosofia, a Ética não se resume a moral, mas busca fundamentação teórica e prática para o conhecimento do comportamento humano do interior de cada sociedade. Tem por objetivo o estudo desse comportamento para estabelecer os níveis aceitáveis que garantam a convivência harmoniosa dentro das sociedades e entre elas.

Logo, a função da Ética é investigar e explicar o comportamento das pessoas ao longo de sua existência, visando a fixação de comportamentos “básicos” para diminuir o nível de conflitos morais dentro dos diversos setores da sociedade. Pela Ética as pessoas precisam pensar sobre suas ações, colocando a razão acima das emoções, procurando a felicidade individual e coletiva, porque o ser humano vive em grupos e as suas atitudes devem visar ao bem e a felicidade de todos. Como virtude, é praticada sem nenhum tipo de pressão exterior, vem de dentro do consciente do ser ético. A Ética leva o homem a agir não só por tradição, educação ou hábito, mas principalmente por convicção e inteligência.

Logo, para ser ético é preciso aprender a ser cidadão, aprender a agir com respeito, honestidade, responsabilidade, lealdade, solidariedade, justiça e não violência. É preciso aprender a usar o diálogo nas diversas situações da vida social, comprometendo-se com tudo o que acontece na sociedade, repudiando as injustiças, respeitando o outro e exigindo para si o mesmo respeito.

É preciso salientar que, a construção de uma sociedade democrática, pautada por princípios éticos, é dinâmica, pois sempre surgem fatos novos e conflitos diferentes, que necessitam ser resolvidos a partir do diálogo, das discussões sadias, criando-se uma tradição nos grupos e na vida em comunidade.

“Cabe à sociedade, dentro desse contexto, transmitir às novas gerações valores e modelos educacionais nos quais os jovens possam pautar sua caminhada rumo à sua vida adulta de cidadão ético e responsável”. (Ana B. B. Silva).

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /cop/artigos/etica-sociedade/