202404241702

Notícias

Alunos de Enfermagem da Uniara desenvolvem postagens sobre alimentação saudável na infância

Publicado em: 22/02/2024

Alunos do curso de Enfermagem da Universidade de Araraquara – Uniara desenvolveram postagens sobre alimentação saudável na infância, baseadas no “Guia alimentar para crianças brasileiras menores de 2 anos”, publicado pelo Ministério da Saúde. O material pode ser conferido no Instagram - @enfermagemuniara.

O trabalho fez parte do projeto de extensão da disciplina de Saúde da Criança/Adolescente, ministrada pela professora Ana Beatriz Velozo. “O objetivo desse projeto de extensão é atuar na prevenção de distúrbios alimentares e obesidade na infância, com a educação da sociedade. Doenças crônicas como obesidade, hipertensão arterial e diabetes, que são problemas de saúde pública, podem ser prevenidas na infância, por meio de uma alimentação saudável e adequada, reduzindo essas doenças e muitas outras na idade adulta. Além disso, a alimentação infantil tem papel fundamental no crescimento e desenvolvimento adequado da criança”, inicia a docente.

A garantia de uma infância mais saudável depende de ambientes e hábitos mais saudáveis, segundo ela, pois é na infância que se aprende muitas coisas, inclusive a comer bem. “Para promover a saúde, precisamos capacitar os profissionais e mobilizar a sociedade sobre a importância de seguir as recomendações de alimentação adequada para cada faixa etária infantil”, aponta.

Velozo menciona que os bebês devem receber leite materno até os seis meses de idade exclusivamente, “não necessitando de nenhum outro líquido, como chás e água”. “A partir dessa idade, a criança precisa e está pronta para receber outros alimentos junto com o leite materno, sendo recomendado que a amamentação se estenda até os dois anos de idade. As crianças menores de dois anos não devem consumir alimentos com açúcar e mel, e o preparo deve priorizar temperos naturais como ervas e utilizar quantidade mínima de sal, assim como deve-se evitar alimentos processados, como bolachas, salgadinhos e fast food durante toda a infância”, orienta a professora.

O momento da alimentação, de acordo com ela, é de aprendizado e troca de afeto entre a criança e sua família, sendo indicado sentarem-se todos juntos na mesa. “Deve-se evitar aparelhos eletrônicos para distrair a criança durante a alimentação, assim como evitar brincadeiras, pois as distrações podem causar alterações no mecanismo no controle de fome e saciedade, podendo gerar distúrbios alimentares, o ganho ou perda excessiva de peso”, explica.

“Essas informações, baseadas em evidências científicas, são essenciais e necessárias para que a sociedade proteja e cuide das nossas crianças e adolescentes. Investir na divulgação desses conhecimentos é uma estratégia de promoção da saúde e prevenção de doenças que o enfermeiro realiza no seu dia a dia, durante o atendimento dessa população e sua família”, salienta Velozo.

Ela destaca que o material produzido foi utilizado para ação educativa em sala de espera do Centro Médico Social Comunitário - CMSC Jardim América – Dr. Marcelo Edgard Drouet, e também divulgado em formato de folder impresso para unidades da atenção básica à saúde do município de Araraquara. “E sobre esse mesmo projeto de extensão, ainda há um material produzido pelos alunos sobre amamentação, que será postado no Instagram”, finaliza a docente.

Informações sobre o curso de Enfermagem da Uniara podem ser obtidas no endereço www.uniara.com.br ou pelo telefone 0800 55 65 88.

 

Últimas notícias:

Busca

Selo e-MEC: UNIARA
Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI