Notícias

IV Encontro de turmas da Psicologia da Uniara conta com diversas atividades organizadas por estudantes do curso

Publicado em: 05/04/2019

O “IV Encontro de turmas e recepção aos calouros 2019”, promovido pelo curso de Psicologia da Universidade de Araraquara – Uniara, “foi muito especial para os alunos e professores da graduação”, de acordo com sua coordenadora, Simoni de Cássia Haddad Penteado. O evento, que contou com diversas atividades organizadas pelos estudantes, foi realizado nesta quinta-feira, dia 4 de abril, no auditório principal da instituição.

A docente conta que, na abertura, destacou os objetivos do encontro e sua relevância “para que os estudantes da primeira série fossem acolhidos à universidade e ao grupo formado por todos os alunos da segunda, terceira, quarta e quinta séries. “Todos assistiram a um vídeo com pinturas de Van Gogh em movimento e com o poema ‘Saber Viver’, de Cora Coralina. Depois, foram apresentadas imagens dos alunos em várias atividades acadêmicas, fotos em sala de aula, nas Semanas da Psicologia, nas Feiras dos Cursos - FECs, em formaturas e em diversos eventos do curso”, relata.

Ela conta que leu para todos um texto sobre os votos dos professores para os primeiranistas, “enfatizando a oferta de um curso com qualidade capaz de subsidiar, além da construção do conhecimento teórico-técnico, a ampliação das habilidades humanas e interpessoais, para que possam agir sobre o mundo que os envolve, com ética e respeito a todos com quem forem atuar profissionalmente”. “Na sequência, os protagonistas do encontro foram os próprios alunos. Cada turma preparou uma atividade”, conta a coordenadora.

A segunda série, de acordo com Simoni, leu um texto sobre como tem sido, para a turma, cursar Psicologia. “Eles ressaltaram a transformação que a graduação promove no pensamento dos alunos, especialmente no que diz respeito à compreensão dos vários aspectos que envolvem os seres humanos e os contextos em que vivem. Expressaram a exigência do curso e, paralelamente, o acolhimento e capacidade de todos os professores”, relembra.

Em seguida, um grupo de alunas apresentou, em jogral, o poema “Ser Psicólogo”, de Walmir Monteiro. “Já a terceira série preparou uma vivência sobre empatia, inspirada em visita técnica realizada pelo curso ao Museu da Empatia, em São Paulo. Iniciaram explicando a proposta da vivência, na qual vários alunos da turma trouxeram pares de sapatos que deixariam no palco do auditório. Cada um falou brevemente sobre uma experiência que viveu quando utilizou aquele sapato”, explica Simoni.

Na sequência, foi solicitado que alguns alunos da primeira série se voluntariassem para participar da atividade e calçassem os sapatos. “Cada um recebeu um pequeno texto com o significado do termo ‘empatia’ e, logo após, foi apresentado o poema ‘Empatia’, escrito pela aluna do terceiro ano, Thaís Bossi Minale. Ela destacou que, em sua criação, articulou conhecimentos obtidos na disciplina ‘Psicologia Social’ com o conceito de empatia e com a própria experiência que estava vivendo ao pensar na atividade”, detalha a coordenadora.

Posteriormente, foi a vez de a quarta série apresentar um teatro que abordou a vivência de famílias que buscam tratamento para transtornos mentais. “Discutiram políticas de saúde mental e analisaram alternativas à internação psiquiátrica e, mais tarde, exibiram um vídeo com cenas de pessoas que viviam em manicômios no passado e tinham sua dignidade prejudicada. Também apresentaram slides de boas-vindas para a nova turma, contando a experiência de Nise da Silveira, que trouxe um novo olhar para o tratamento de pessoas com transtornos mentais, revelando o papel da arte e da liberdade na vida destas pessoas”, destaca Simoni.

Ainda no Encontro, os alunos que representam a Atlética do curso de Psicologia também deram as boas-vindas aos primeiranistas e apresentaram slides sobre a Associação, com seus objetivos e propostas. “Explanaram sobre os Jogos Universitários de Araraquara e divulgaram as modalidades esportivas, festas e outras atividades acadêmicas”, menciona a docente.

Perto do final, os estudantes do quinto ano subiram ao paco e fizeram a leitura de um texto escrito pelas alunas da turma, Jheniffer Telles Souza da Silva e Darlene Marques, para a ocasião, segundo Simoni. “O conteúdo versou sobre as várias experiências que possivelmente serão vividas nos cinco anos de curso e sobre sugestões para enfrentar as adversidades e explorar ao máximo e da melhor forma esse período. Foram mencionados a transformação que o curso promove nos graduandos e o apoio dos docentes”, resume a professora.

O evento, de acordo com ela, foi encerrado com a fala de alguns calouros, que expressaram o que sentiram durante o evento. “Eles salientaram o quanto estavam felizes com a recepção e o quanto sentiram-se, de fato, acolhidos. Aqueles que participaram da atividade com os sapatos mencionaram sua emoção em vivenciar a ‘empatia’ e destacaram que, em um mês de curso, já sentem que seu olhar para o mundo tem se ampliado. Alunos de outras séries reforçaram as boas-vindas e fizeram relatos da importância da dedicação e da ética no decorrer da graduação”, diz.

Para Simoni, “foi uma noite muito rica para todos”. “Acredito que os objetivos do Encontro foram atingidos. Ressalto a importância desse trabalho em equipe, entre professores e alunos, sem o qual não seria possível a realização de um evento tão marcante”, finaliza.

Informações sobre o curso de Psicologia da Uniara podem ser obtidas no endereço www.uniara.com.br ou pelo telefone 0800 55 65 88.

Últimas notícias:

Busca

Assessoria de imprensa
assimprensa@uniara.com.br
16 3301 7142
Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /