[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

A Rádio Uniara FM 100,1 está temporariamente fora do ar para ajustes técnicos.

Em breve, toda a programação da rádio estará normalizada. Agradecemos a compreensão de todos os nossos ouvintes

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

São Carlos busca alternativas para resolver problemas na área de saúde

Por: THAYNÁ BEATRIZ DA CUNHA

18/03/2015

Em São Carlos(SP), a  população se queixa do atendimento de alguns médicos plantonistas e critica a falta de medicação e lotação nas Unidades Básicas de Saúde.O município busca alternativas para solucionar os problemas existentes ( leia abaixo).

Para a dentista Flávia Zagatto, que atua em uma das Unidades Básicas de Saúde, São Carlos está com dificuldade por falta de recursos financeiros, integração de serviços e articulação de ações. Já a Agente Comunitária de Saúde, Kelly Santos, informa que "as unidades não conseguem dar conta da grande demanda de pessoas e as reclamações são muitas."

O problema se agravou ainda mais quando os primeiros casos de dengue apareceram, havendo, inclusive, uma epidemia da doença, em São Carlos, gerando mais preocupação dos profissionais da área. 

A dona de casa, Ivana dos Santos, moradora da cidade, passou recentemente pelo Hospital Escola e afirma que a situação é, no mínimo, preocupante. "As pessoas ficam aguardando atendimento por mais de cinco horas e isso não deveria acontecer de jeito nenhum, tem muitos casos urgentes dessas pessoas que esperam", relata.

Soluções

A Chefe de Divisão de Administradores Regionais da Saúde (ARES) - Aracy , da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Crislaine Mestre, quando perguntada sobre um possível planejamento de melhora nas Unidades, informa que a principio a ideia é realizar a contratação de mais Recursos Humanos, dentre as diversas áreas de profissionais, bem como realizar reforma das Unidades Básicas de Saúde para melhoria do acesso e da qualidade da atenção básica, além da aquisição de materiais permanecentes e de consumo. "Estamos trabalhando para ter uma atenção básica que responda, perto da casa das pessoas, à maioria das necessidades de saúde, com agilidade e qualidade e de modo acolhedor e humanizado", explica.

De acordo com ela, a intenção é que através da qualificação e da organização do processo de trabalho, do apoio institucional, da educação permanente e dentre outros, seja possivel,de forma efetiva, acolher os pacientes em todos os âmbitos de atendimento da saúde e, durante todo o tempo, desde a recepção até o atendimento propriamente dito.

Ela também afirma que as reclamações diminuíram bastante. "Estamos repondo os estoques de medicamentos para, assim, suprir a necessidade de todos. A Secretaria de Saúde vem avançando e introduzindo vários elementos e ações ligados a atenção básica", finaliza, de modo a mostrar a preocupação com a população.

Publicada em 18/03/2015 às 20h11.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/