Ageuniara

Jovens de Matão se destacam no trabalho voluntário

Por: SÉRGIO GABRIEL CALERA

18/03/2015

Os jovens estão cada vez mais engajados no trabalho voluntário, procuram ser agentes de transformação, que prestam serviços não remunerados em benefício da comunidade. Todo trabalho é realizado pela energia dos impulsos solidários, atendendo as necessidades do meio em que vivem.

Um bom exeplo disso é o Interact Clube de Matão (SP), que se destaca no trabalho voluntário, na cidade. O grupo de jovens de 12 a 18 anos, que presta serviços à sociedade e ao mundo inteiro, por meio de projetos internacionais, existe desde janeiro de 1999, mas teve maior participação a partir de 2005. O objetivo da criação do clube foi para envolver um número maior de jovens na filantropia, para que possam progredir na Família Rotariana.

“Ser presidente do grupo proporciona um contato maior com outros jovens envolvidos na esfera filantrópica, e as responsabilidades embutidas no cargo tornam-me mais madura para tomar decisões não só no clube, mas em assuntos gerais da vida”, afirma Maria Eduarda Corradini, atual presidente do Interact Clube de Matão.

Conforme dito por ela, o cargo de presidente do clube é pouco importante, porque os sócios são a parte mais notável, as cobranças feitas por eles são grandes ."Todos, um dia, deveriam ter a oportunidade de serem presidentes também.Com certeza, foi a melhor decisão que já tomei na minha vida",revela.

Os Interactianos, como são chamados os sócios, são muito fieis ao clube, participam dos projetos e defendem o Interact. “É muito bom fazer a diferença, a sensação é ótima, comecei a participar através do incentivo dos amigos que já faziam parte do grupo, mas a ideia de poder contribuir para alguma coisa pelo simples fazer, e não por ter a obrigação, sempre me animou”, explica Murilo Motta, que é um dos participantes.

Segundo Igor Trigo, outro sócio do clube, a melhor parte de participar, é a união de todos os Interactianos em prol da comunidade, quando ele vê o sorriso no rosto das pessoas, isso dá mais motivação e orgulho de ajudá-los. 

“É importante existir clubes como o Interact, porque além de ajudar pessoas que precisam, estamos fazendo algo maior, os jovens crescem no grupo, aprendem a conviver melhor, só de ajudar aqueles que precisam, já é algo positivo, uma gratidão imensa e uma alegria intensa, fazendo com que continuem sempre no núcleo de trabalhos voluntários”, opina Renata Calera, protocolo do Distrito 4540, onde se encontra o Interact.

Publicada em 18/03/2015 às 20h30.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/