Ageuniara

Grupo Banquete de Ideias completa um ano saboreando saberes

Por: PEDRO JUNQUEIRA FRANCO DE CASTRO

22/09/2014

Há um ano um grupo de pessoas se reúne toda terça-feira em variados lugares de Araraquara (SP), para discutir temas relacionados ao autoconhecimento. O projeto, que foi idealizado pela educadora física, Márcia Caparelli, recebeu o nome de Banquete de Ideias por ser um espaço de troca de saberes, onde um especialista explana sobre um tema central para os presentes e estes dialogam entre si. Os encontros duram cerca de duas horas, costumam reunir de 4 a 40 pessoas, são gratuitos e abertos a todos que tenham interesse pelos temas.

 De acordo com Márcia, o grupo foi criado com a intenção de difundir e propagar medicinas alternativas holísticas, práticas pagãs, desmistificar e conhecer religiões. “Tudo que envolve qualidade de vida, desenvolvimento pessoal e autoconhecimento.”, conclui Márcia.

Ela afirma que a ideia de montar o grupo surgiu do seu anseio em ajudar as pessoas a se autoconhecerem e se aprofundarem no seu ser. “Uma vez que você reconhece a profundidade de seu Ser, a pureza de sua Essência Divina, quer partilhar e desejar que todo ser vivo possa também reconhecer que está tudo sem suas próprias mãos, a condução de sua vida e a felicidade.”, acrescenta Márcia.

Para ela a intenção do grupo é fazer a energia circular, por isso os encontros são itinerantes e acontecem a cada semana em um lugar diferente. “É preciso sair da zona de conforto, dando a ideia de ir à busca do novo, de agregar mais conhecimento. Portanto, o grupo vai onde a pessoa mostra o desejo de abrir as portas e acolher o encontro.”, informa Márcia.

Segundo ela, na maioria das vezes os temas são sugeridos pelo próprio grupo e depois disso, eles vão atrás de um profissional especialista no tema, que possa doar seu conhecimento e seu tempo. “É pertinente registrar que, nesse um ano de encontros semanais, os profissionais que partilharam seus conhecimentos com o grupo são de uma competência e comprometimento fantástico.”, frisou Márcia.

A fim de celebrar um ano do Banquete, o grupo se reuniu no último domingo (17/8) em uma chácara da cidade e colocaram em prática alguns conhecimentos aprendidos durante os encontros. “Foi mágico ver o encontro e a junção de tantos instrutores de yoga de altíssima competência, entrar em contato com tanta arte de uma criatividade viva e leve, ter a presença de tantas pessoas que procuram harmonia, paz e amor. Realmente uma benção.”, concluiu Márcia.

A instrutora de yoga, Cristi Severian, que já participou de muitos desses encontros e inclusive teve a oportunidade de ministrar duas explanações para o grupo, afirma que formar o grupo foi uma ideia fantástica. “Ele divulga inúmeras formas, técnicas, metodologias e filosofias que ajudam a gente a se conhecer, lidar melhor com as pessoas e compreender a vida ”, explica Cristi.

 Ela conta que costumava ir toda semana aos encontros, mas por conta de uma incompatibilidade de horários teve que se ausentar dos últimos. “Porém, domingo passado teve um super e abençoado evento que durou o dia todo, do aniversário de um ano do Banquete e fiz questão de participar. Foi realmente maravilhoso como sempre.”, acrescenta a instrutora.

De acordo com Cristi, os encontros a ajudaram a mudar hábitos de vida que há tempos ela queria mudar e uniram sua família, pois seu marido e filho de sete anos costumam ir com ela aos encontros. “Aprendi a me alimentar melhor, deixei de consumir carne e leite. Aprendi a me conhecer melhor e lidar com inúmeros sentimentos. Aprendi a me abrir e confiar nas pessoas. Enfim, aprendi que com simplicidade podemos movimentar e melhorar nosso mundo ”, exalta Cristi.

As duas palestras ministradas pela instrutora foram sobre Coaching e Sahaja yoga. Ela destaca que é uma sensação muito boa poder compartilhar o que faz bem a ela e ajudar as pessoas a se sentirem bem também. “Além de trazer a consciência de que temos o poder de mudar e viver nossa essência verdadeira, sendo felizes e levando felicidade com muito amor ao mundo”, salienta.

Para ela os encontros são sempre acolhedores e libertadores, pois reúnem pessoas maravilhosas e tratam de temas que podem fazer a diferença na vida das pessoas. “Sinto-me eternamente grata por fazer parte desse grupo e à Márcia Caparelli por ter criado e realizado essa benção ”, conclui Cristi.

(Publicado em 20/8/2014 – 21h27).

 

 



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/