Ageuniara

Américo Brasiliense vai passar a tratar 100% do esgoto coletado

Por: ILEONI SANTOS DE JESUS

26/04/2013

Está sendo construída em Américo Brasiliense a estação de tratamento de esgoto (ETE), atendendo a um termo de ajuste de conduta assinado pelo município com o Minstério Público. A obra começou no início de 2013 e tem previsão de término em janeiro de 2014, quando o sistema atingirá 100% do esgoto coletado, garantindo responsabilidade ambiental e melhor condição de saúde para a população.

O acordo com o Ministério Público foi firmado em 2007. A partir disso foram sendo feitos projetos que por questões de leis ambientais não foram aprovados. Em 2009 foi assinado um novo acordo que só veio a ter liberação de recursos no final de 2012. O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do Governo Federal, e a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) disponibilizaram R$ 10 milhões para a obra.

Atualmente, todo esgoto da cidade é jogado nos córregos Maria Mendes, no bairro São José, e no Xavier, no jardim Maria Luiza. Ambos despejam os resíduos no Rio Mogi. O município está abaixo das expectativas ambientais em relação às cidades da região.

O biólogo Luiz Eduardo Alves, do Departamento de Água e Esgoto e Meio Ambiente (DAEMA) da cidade, afirma que, “com a construção da ETE, Américo Brasiliense vai melhorar a qualidade de vida e adequar-se às leis ambientais”. A obra está sendo feita pela empresa KMG Consultoria e Engenharia LTDA, de São Paulo(SP). A ETE se localiza em área rural a cerca de 1,5 Km do bairro São José.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/