Ageuniara

Direito ao voto aos 16 anos não atrai jovens de Brotas

Por: ANGELO DE ALBUQUERQUE PINHEIRO TEDESCHI

01/07/2006

No Brasil, quando um jovem completa 16 anos pode tirar seu título de eleitor e optar por votar ou não nas eleições. Em Brotas (SP), por exemplo, são poucos os jovens que buscam o direito ao voto aos 16 anos.

Dos vinte jovens da cidade entrevistados, pela reportagem da Ageuniara,no período de 23 a 25 de junho, com idade entre 15 e 18 anos, apenas dois tiraram o título de eleitor aos 16 anos e três pensam em tirar, ou seja, a maioria deles abrem mão desse direito.

Os motivos alegados por esses jovens são vários como, por exemplo, falta de interesse político, imaturidade, desconhecimento do direito ao voto e descrença nos políticos.

O jovem de 18 anos, Otávio Smaniotto, tirou seu título aos 16 anos, mas não foi votar por vontade própria.“Eu tirei por pressão dos meus pais. Eles ficaram no meu pé até eu tirar”, diz.

Já a jovem Emanuella dos Santos de 15 anos, diz que pretende tirar seu título no ano que vem. “Quero poder fazer a minha parte para melhorar minha cidade e meu País. Mas, isso tem que ser feito de forma consciente”, analisa.

Natiele Francos da Silva de 16 anos, não pensa em tirar seu título agora. Ela acha que não está preparada e não têm um conhecimento político adequado para votar esse ano.“Comparecer nas urnas, simplesmente por fazê-lo, é uma atitude muito arriscada. Daqui a dois anos devo estar mais preparada”, afirma.

Segundo a psicóloga, Maria Cláudia Vieira Mello,de Brotas, os jovens de hoje estão desestimulados e muito mal preparados para votar aos 16 anos.

Ela acredita que com 18 anos eles têm mais consciência e podem fazer uma melhor análise dos candidatos.“Com 16 anos o jovem, ou melhor, o adolescente, não está preocupado e nem preparado para votar, ele só vai começar a se preocupar quando entrar no mercado de trabalho e tiver que ser independente dos pais. Até isso acontecer, ele não vai despertar para a importância do voto”, conclui.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/