Ageuniara

Falta de chuva traz problemas para Jaboticabal

Por: MARIANA DOS SANTOS TREVISOLI

08/10/2004

A região de Ribeirão Preto(SP) sofre com a falta de chuva. Devido a seca, os moradores de Jaboticabal(SP), desperdiçam água, lavam carros, molham telhados e lavam quintais para aumentar a umidade do ar. Os principais locais onde o problema ocorre são os bairros Cohab 1 e Cohab 2.

Mas a situação mais preocupante é a do Rio Córrego Rico que abastece 70% da cidade. Nos últimos meses, o nível de água diminuiu 10 centímetros, em relação ao normal.

Segundo o presidente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Jaboticabal (SAAEJ), Victor Nozaki, conforme a água abaixa a captação acaba sugando mais areia e terra, e prejudica não apenas equipamentos, que têm que trabalhar em dobro, mas, principalmente, o tratamento de água que fica mais demorado para se conseguir atingir a qualidade que costuma ter no período de não estiagem.

O presidente afirma que o SAAEJ vem pedindo a população que faça uma economia de água, que deixe de se lavar carros e as calçadas, e que se esta for necessária, que lave três dias por semana e também que o desperdício seja evitado, principalmente, às sextas-feiras, sábados e domingos, no período da tarde.

Segundo ele, a população vem sendo conscientizada quanto ao desperdício e se posteriormente não houver um respaldo, o SAAEJ será obrigado a aplicar uma penalidade às pessoas que usam a água demasiadamente.

“O nosso regulamento permite fazer isso. Não queremos chegar a esse ponto, mas se percebermos que o nível do Córrego Rico está baixando e o consumo estiver aumentando, havendo desperdício, vamos ter de abrir mão e usar desse expediente”, finaliza Nozaki



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/