[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

Em vista das melhorias que estão sendo realizadas na portaria principal da Unidade I da Uniara, alunos, interessados e colaboradores devem utilizar a entrada localizada na Rua Voluntários da Pátria, 1309 (Rua 5).

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Escolas de Araraquara realizam recitais

Por: ANDREIA CRISTINA BENITE

19/11/2003

As escolas, "Scalla Cursos Musicais" e "Villa-Lobos", ambas de Araraquara(SP), realizam anualmente recitais no Teatro Municipal da cidade, com distribuição de ingressos gratuitos, trazendo ao público músicas de qualidade.

Segundo Marise Taconelli Colucci, diretora da escola Scalla, recital é uma mostra de música, uma apresentação do trabalho que os alunos desenvolvem durante o ano, feita por escolas, ou músicos profissionais.

"Penso que alguém formado pode nomear sua apresentação como concerto, depende de cada um, mas acho que recital é mais apropriado para escolas e alunos", comenta Marise.

Os recitais além de levarem música de qualidade para a população, mostram aos pais, familiares e amigos a evolução dos alunos, pois a maioria deles participa todo ano.

A escola "Scalla" faz seus recitais com temas e os últimos temas realizados foram: a história da MPB, a história do Rock, Cinema (temas de filmes), Cem anos de música entre outros.

Esses temas aumentam ainda mais o conhecimento adquirido por alunos e pelo público que prestigia o recital, pois no caso dos alunos, o tema é trabalhado ao longo do ano e embora o aluno trabalhe uma música, ele aprende tudo sobre o tema, a história do período em que essa música foi composta.

"Quando fizemos o tema de cem anos de música, por exemplo, o aluno que tocou a música Flor Amorosa, aprendeu que essa música foi composta em 1906 e no telão passou imagens de Santos Dummond, fatos que marcaram a época, políticos, sociais e artísticos. Isso acaba trazendo uma cultura geral, com estudo da biografia de vários artistas e compositores", diz Marise.

Segundo ela, os alunos gostaram de trabalhar com temas e chegaram a pedir, na escola, cursos como história da música. "A pesquisa foi divertida e proveitosa",comenta Marise.

Este ano o tema será livre devido a diversas mudanças na escola e implantação de novos cursos.Os alunos têm muito interesse em participar principalmente as crianças e os adolescentes.

"O aluno é bem preparado e no ensaio são simuladas muitas situações, então eles ficam tranqüilos e a satisfação é grande,pois eles curtem bem o momento.Trabalhamos com a questão psicológica também durante o ano", conta Marise.

Segundo ela nunca se sabe, num grupo de alunos, quem vai se despontar e ser um músico ou uma musicista e cabe a escola estar desenvolvendo postura de palco, presença de palco, concentração, desinibir o aluno e estimular convívio social.

E caso o aluno queira fazer faculdade de música existe a prova geral e a específica, na qual o aluno toca para uma banca julgadora e se ele já tem o hábito de tocar para o público, se sairá melhor.

Participam do recital da "Scalla" os instrumentos: violão, guitarra, contra-baixo, violino, viola,viola clássica (cordas); flauta doce, flauta transversal, saxofone (sopro); piano, teclados (teclas); bateria (percussão) e vocais.

O objetivo é o estímulo, além de ser uma mostra do que a escola desenvolveu com o aluno."Até o recital acontecer sinto ansiedade, muito trabalho, muita responsabilidade, muita preocupação e na hora que o último aluno está tocando a última nota, sinto uma realização muito grande, mais um ano que minha missão foi cumprida, é o resultado do ano, e traz satisfação, fechamos o ano com chave de ouro",observa Marise.

Para Claúdia Medeiros professora de teclado da "Scalla" o ensaio ajuda muito, estimula, pois é diferente da aula, e têm pessoas assistindo.

É uma preparação e é onde aparecem os erros, as dificuldades para que possamos identificá-las e trabalhar para eliminá-las.

"É importante para população e para os pais dos alunos, pois podem conhecer nosso trabalho, aprender sobre música, apreciar os instrumentos. E para nós professores é uma satisfação muito grande ver nossos alunos tocando, pois acompanhamos desde a preparação do aluno até vê-lo tocando, e isso é muito estimulante, é onde me sinto realizada profissionalmente", comenta Claúdia.

"Acho que é uma maneira de perder a timidez em relação ao público, com os ensaios você adquire experiência com bandas e com público, faz amigos novos, treina mais para não errar na hora, e adquire responsabilidade", comenta Milena Cristina Gravinatti ,aluna que participa do recital este ano pela quarta vez.

A Escola de dança e música "Villa-Lobos" realizou dia 1 de novembro seu recital no Teatro Municipal, com 44 alunos nos instrumentos piano, teclado, violão, violino e saxofone, além de canto.

Foram apresentadas peças de Haendel, Bach, Beethoven, Schumann, Chopin, Brahms, Tchaikovsky, Prokofieff, Kalalevsky, Villa Lobos, além de peças mais populares como por exemplo de Elton John.

"O recital é importante para os alunos porque mostramos para os pais e para o público o trabalho dos nossos professores e a qualidade da nossa escola que tem 45 anos de história", conta a diretora e professora Adriana Pires de Paulo da Villa-Lobos.

O recital da escola "Scalla Cursos Musicais" será realizado dia 18 de dezembro no Teatro Municipal de Araraquara às 20 h, com a participação de 33 alunos. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na escola. Para informações o telefone é 16-236-8604.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/