Ageuniara

Imunização contra Hepatite A começa em São Carlos

Por: BIANCA SILVA CARVALHO

19/09/2014

Por determinação do Ministério Público, no último dia 2 de setembro São Carlos incluiu em seu calendário a ação de imunização contra Hepatite A. A vacina passa a fazer parte do calendário infantil do SUS (Sistema Único de Saúde) e será aplicada em uma única dose e direcionada a crianças de 1 ano até 1 ano, 11 meses e 29 dias.

Segundo o Ministério da Saúde, essa medida foi tomada uma vez que a meta é alcançar 95% do público-alvo, cerca de três milhões de crianças no período de 12 meses no país todo. O objetivo é agregar a ação nos calendários de vacinação, junto às outras imunizações. O esquema vacinal prevê uma dose única da vacina, entretanto, será feito monitoramento da situação epidemiológica da doença para definir sobre a necessidade de inclusão de uma segunda dose no calendário da criança. 

O Departamento de Saúde de São Carlos, através da Vigilância Epidemiológica,  promoveu, no dia 1º de setembro, treinamento para enfermeiras que atuam nas Unidades de Saúde da cidade visando esclarecer as dúvidas e capacitar as equipes para o novo calendário vacinal.

Como ressalta a enfermeira da Unidade de Saúde do Jd. Cruzeiro do Sul, Roseli dos Santos, que esteve em uma dessas reuniões, "embora a gente saiba sobre a doença, é muito bom ter esse tipo de capacitação, que promove um maior entendimento e tira algumas dúvidas nossas". 

A vacinação de crianças até dois anos pode ser feita na Unidade de Saúde de referência com a apresentação da carteirinha de vacinação e na presença do responsável.

Sobre a Hepatite A

A doença é inicialmente benigna e raramente se apresenta de forma grave na criança. A principal forma de contagio da Hepatite A é a fecal-oral, por contato com pessoas infectadas, por meio de água e alimentos infectados.

A vacina, quando tomada na infância, gera proteção para a vida inteira. Atualmente de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde) pouco mais de um milhão de casos ocorrem no mundo todos os anos, identificados em ocorrências esporádicas e epidemias. Estima-se que ocorram 130 novos casos a cada cem mil habitantes no Brasil, geralmente em locais onde o saneamento básico e condições de higiene são precários.

(Publicada em 19/9/14 - 21h05)

 



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/