202101240703

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Criminalidade cresce em Bebedouro

Por: JESSICA TEIXEIRA FIDELIS MARTINS

05/09/2014

Nos últimos meses houve um aumento de crimes na cidade de Bebedouro e isso vem amedrontando a população. Crimes como explosão de caixas eletrônicos, roubos e incêndios ambientais são cada vez mais comuns na cidade. 

"Com o Governo do Estado de São Paulo dando mais atenção à Capital, os municípios pequenos acabam ficando desprovidos de segurança pública. Vendo essa situação os marginais acabam migrando para o interior e é onde a onda de crimes aumenta", avalia o comandante da Guarda Civil Municipal de Bebedouro, Luiz André Rosa Junior.

A falta de verba vem prejudicando cada vez mais o município, já que a GCM (Guarda Civil Municipal) está apenas com quatro viaturas,  número considerado pequeno para o porte da cidade. O Comandante da GCM mencionou que muitos dos delitos ocorrem porque o marginal sabe que há impunidade no país. "Só haverá diminuição nas transgressões quando houver mudanças no Código Penal. Até que isso aconteça eles terão sempre o pensamento que sairão impunes de qualquer delito que cometam", analisa Rosa Jr.

A Guarda Civil local conta com a ajuda de outras autoridades, como Polícia Militar e Polícia Civil, para ajudar a combater os crimes que vem ocorrendo na cidade.

O comandante também afirma que a ajuda da população por meio de denúncias feitas através do 190 ou 153 é essencial para que haja mais tranquilidade na cidade e para que um bom trabalho seja feito pelas autoridades locais.


A fim de confirmar o aumento de criminalidade, o capitão da Polícia Militar Flávio Mira D’arbo apresentou estatísticas. Durante todo o ano de 2013 foram contabilizados 4 homicídios dolosos (incluindo acidentes de trânsito); já até julho de 2014, o número estava em 5 casos. O número de roubos (incluindo roubo de carga e banco) em 2013 chegou a 167 ocorrências; já no primeiro semestre de 2014 ano o numero já estava em 105.

Já em relação ao furto de veículos, em 2013 foram  registrados 163 casos,enquanto no primeiro semestre de 2014 foram 98.

Segundo o delegado da seccional, José Eduardo Vasconcelos, as autoridades sabem do aumento da violência e por isso trabalham juntos. “ Pois só assim iremos conseguir diminuir ou evitar a criminalidade”. 



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI