202101240526

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Lutador ensina boxe em Avenidas de Taquaritinga

Por: EDUARDA MANTOVANI

07/05/2014

O morador de Taquaritinga(SP), José de Lima, conhecido popularmente como "Zé de Lima", nascido em 1954, desde criança já demonstrava interesse pelo grande esporte que o levaria a lutar e ganhar grandes prêmios, o Boxe.

De família humilde, a vida do lutador sempre teve dificuldades, pois de oito irmãos era o mais velho e tinha que ajudar a cuidar dos outros. A primeira chance que teve de mudar de vida surgiu aos dezenove anos quando um conhecido apaixonado pelo boxe o viu “nocauteando um folgado” em plena rua, no carnaval de Taquaritinga.

Ao término da confusão, o conhecido perguntou-lhe se não gostaria de treinar boxe. O colega logo contou que sempre assistia lutas em São Paulo e também que era amigo do técnico Antonio Corollo, da Pirelli.

O técnico impressionou-se com a potência nas duas mãos do garoto. Agora como atleta patrocinado pela Pirelli, era mais fácil arrumar um emprego e foi o que fez, logo era auxiliar de montagem da empresa, porém não durou nove meses, perdeu-o quando ficou tentado por outro emprego ainda melhor, o qual não deu certo.

O boxe amador nunca lhe deu dinheiro apesar das viagens que fez. José de Lima cita o caso de Maguila que se tornou bem sucedido financeiramente, e por mérito de ambos, treinaram juntos, e diz que também sempre precisa-se de sorte para garantir um empresário que lhe dê um bom e sério apoio. E disse mais: “O Popó vinha da Bahia treinar em São Paulo onde o nível era superior e voltava para a sua terra natal mais preparado”, afirma Lima.

Hoje, depois de algum tempo sem lutar boxe profissionalmente, Zé de Lima fica em uma das Avenidas da cidade treinando pessoas interessadas pelos esporte e passando toda sua aprendizagem e técnicas sobre a luta. E o bom disso tudo é que leva todo seu material e equipamento na Avenida sem receber nada financeiramente dos alunos.

“Quando venho treinar me sinto mais confiante, pois é um esporte que exige muito da pessoa e também muita concentração, sem contar que mexe com todas as partes do corpo e conseguimos liberar todo pensamento negativo que tivermos”, diz Bruno Augusto Gouvea, que é aluno de Zé de Lima.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI