202101231440

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Praças da cidade podem ter legislação que favoreça a realização de eventos

Por: PAULA CRISTINA CARDOSO DE SOUSA

22/11/2013

A burocracia pública tem sido o maior entrave para que associações e entidades realizem eventos culturais em praças públicas. Porém, há a perspectiva de que isso mude na cidade de Araraquara, com uma nova legislação sobre o tema.

A Praça das Bandeiras tem sido utilizada nos últimos dois anos pela Associação dos Moradores do seu entorno. Ali são realizados eventos culturais, com a intenção de evitar a permanência de marginais, além de devolver a tradição da cultura popular, através de eventos em praça pública, como acontecia no século passado. Entretanto, há um entrave que tem assombrado os organizadores: a burocracia.

“As exigências feitas pela Prefeitura são muitas. Eles pedem o que é de costume em um evento, mas nós não temos capacidade financeira para atender tanta burocracia”, diz a gestora de projeto da Associação, Fabiana Vergílio.

Segundo Fabiana, tanto o Executivo quanto o Legislativo estão empenhados em resolver a situação da melhor maneira. De acordo com ela, o vereador Aluísio Braz, o Boi (PMDB), e a vereadora Edna Martins (PV) estão empenhados na elaboração de uma legislação para que efetivamente aconteça o “acampamento cultural de todas as Praças da cidade”, tomando como exemplo a das Bandeiras.

“O trabalho que fazemos na Praça é inédito em todo Brasil. Porque geralmente, o que acontece são ocupações esporádicas dos locais para eventos culturais e não permanentes, como a que fazemos”, afirmou a gestora.

O projeto de lei, segundo ela, já foi concluido pelos vereadores, que aguardam apenas a leitura por parte dos membros da Associação. Fabiana acredita que até o inicio de 2014 a cidade já deva ter uma legislação específica para a ocupação de Praças por Associações ou instituições, governamentais e não governamentais, para a realização de eventos populares.

Para ela, “a cultura transforma o ser humano. Se cada praça da cidade tiver uma instituição desenvolvendo projetos semelhantes ao nosso, com certeza cairá o número de drogadição, marginalidade e bandidagem na cidade”.

Para Luís Fernando Laranjeira, frequentador dos eventos da Praça e do Bar do Zinho, estabelecimento vizinho do local, “desde quando a Associação tomou conta da Praça, o jardim está mais bonito porque eles pagam alguém para cuidar; sem contar que dificilmente encontramos pessoas consumindo drogas. Este trabalho não pode parar”.

Cronograma de atividades

Os membros da Associação da Praça das Bandeiras já elaboraram um cronograma de eventos e atividades artísticas e culturais para serem realizados durante todo o mês de novembro e dezembro.

Segundo Fabiana, “nós até chegamos a desanimar nestes últimos meses, mas agora, com esta perspectiva, já voltamos a pensar em coisas boas para nossa cidade”. Ela informou que atualmente a Associação é mantida por dez patrocinadores, além dos oito integrantes de sua diretoria que contribuem mensalmente com a quantia de R$ 50 ou R$ 100. O total arrecadado fica em torno de R$ 1 mil mensais. Deste valor, R$ 300 são destinados ao jardineiro que cuida da Praça e o restante para o pagamento de cachês, que giram em torno de, no máximo, R$ 200 para os artistas que se apresentam no local.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI