[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

A Rádio Uniara FM 100,1 está temporariamente fora do ar para ajustes técnicos.

Em breve, toda a programação da rádio estará normalizada. Agradecemos a compreensão de todos os nossos ouvintes

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Terapeuta holística destaca importância da acupuntura

Por: NATHÁLIA CAROLINE PEREIRA DIAS

20/03/2013

A medicina tradicional chinesa (MTC) é antiga e,ainda hoje, é utilizada por profissionais da saúde, para o alívio de dores e nos tratamentos anti-stress.

Também é indicada para as pessoas que, com a correria do dia-a-dia, têm uma vida agitada, com várias ocupações e noites mal dormidas. O tratamento é capaz de aliviar esses sintomas de forma saudável e proporcionar uma melhor qualidade de vida.

A terapeuta holística e psicóloga Christye Biagio,de Araraquara(SP), explica que a MTC ensina que as pessoas têm um “corpo de energia” chamado "Chi" ou "Ki" que é a energia vital do ser humano e, que por sua vez, flui através de caminhos chamados de meridianos. "Qualquer bloqueio ou interrupção nestes meridianos causa doença",explica.

Segundo ela, três são as causas de doenças: Interna que é a parte emocional do individuo, Externa que é a interferência climática ou alimentar e a Mista onde a junção das anteriores.

De acordo com Christye, a MTC tem cinco elementos que regulam a manifestação do "Chi", são eles: fogo, água, terra, madeira e metal. "Cada um deles representa um clima e uma emoção e é através do entendimento destes cinco elementos que podemos fazer um diagnóstico para a aplicação da acupuntura, por exemplo, seja ela sistêmica, com agulhas no corpo através dos pontos dos meridianos, ou auriculares que são aplicações na orelha podendo ser utilizado agulhas, esferas ou sementes normalmente usadas com semente de mostrada", explica.

Ela explica que a acupuntura está sendo muito utilizada por psicólogos no tratamento das emoções e, também, por esteticistas através da acupuntura estética fácil.

A advogada e pedagoga Eliane Tolentino que usou a medicina comprova a eficácia da acupuntura: “Eu tinha muito preconceito em relação a acupuntura, mais diante de tantas mudanças que estavam acontecendo em minha vida ,falecimento do meu pai, do meu sobrinho e mudança de cidade, fui orientada por uma amiga a fazer e, para minha surpresa, eu adorei, pois após cada dia percebia a mudança em relação a sentimentos de saudade, tristeza, insegurança, ansiedade etc.".

"Foi a acupuntura, essa,medicina alternativa, que me ajudou muito a equilibrar meus sentimentos e me manter focada no cotidiano da minha vida, pois as agulhinhas eram colocadas nos pontos estratégicos agindo de forma satisfatória sem que eu precisasse fazer uso de medicação alguma e, com certeza, seriam medicamentos extremamente fortes. Portanto, só posso falar bem da acupuntura e só não realizo mais por ter mudado de cidade”,completa.

A comerciante Ana Pion, também destaca os benefícios da acupuntura."É como fazer tratamento homeopático, ela resolve sim, para o que você precisar. Mas, se parar,o resultado alcançado para também. Quando fiz, resolveu o que eu precisava, mas o correto seria dar continuidade ao tratamento",observa.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/