202101240650

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Nutricionista destaca importância de alimentos orgânicos

Por: GABRIELA FERNANDA DI MARCO PARIS

31/10/2012

Em Araraquara(SP)aumenta a opção pelo consumo dos alimentos orgânicos.O termo orgânico se refere à maneira como os produtores cultivam e processam os produtos agrícolas, tais como frutas, verduras, cereais, laticínios e carnes. As técnicas de produção orgânica são destinadas a incentivar a conservação do solo e da água e reduzir a poluição.

A nutricionista Marina Alasmar, de Araraquara, foi a uma loja especializada nestes produtos para explicar como saber identificá-los.

Ela recomenda sempre preferir verduras, legumes, grãos, frutas e carnes orgânicos, que são aqueles produzidos sem uso de agrotóxico e sem nenhuma substância química.

“Para se certificar de que o produto é orgânico, é importante conferir a embalagem e procurar o selo de produtos orgânicos”,orienta Marina. Ela recomenda o uso constante de alimentos orgânicos.

Há um ano, o estudante de Marketing, Ycaro Oliveira, consome alimentos orgânicos e declara que a diferença em seu bem-estar e ritmo de vida são bem melhores.

“Nos produtos convencionais são utilizados fertilizantes químicos para promover o crescimento das plantas, já nos orgânicos são utilizados fertilizantes naturais, como o adubo para enriquecer o solo e promover o crescimento das plantas, e isso é ótimo, pois me fornece fortalecimento físico, disposição diária, e até uma pele mais lisa, limpa e brilhante. Alimentos orgânicos ajudam no nosso organismo e nos deixam bem melhores de saúde”, comenta.

O custo desses produtos, entretanto, é maior porque os gastos com a produção também é maior, em relação ao preço dos alimentos comuns.

Benefícios

Os agricultores que produzem alimentos convencionais utilizam os métodos comuns para fertilizar, controlar pragas ou prevenir doenças. Assim, os alimentos orgânicos são produzidos, sem agrotóxicos ou fertilizantes químicos.

O solo é preparado, a plantação tem que estar equilibrada com o ecossistema, a água utilizada na irrigação e na lavagem dos produtos também tem que ter a qualidade aprovada.

Já foi comprovado cientificamente a grande diferença num nível nutricional entre o alimento orgânico e o alimento produzido de forma convencional.

Os alimentos orgânicos possuem uma diferença acentuada no conteúdo de alguns minerais essenciais. Normalmente alguns minerais como Cálcio (65%), Ferro (73%), Magnésio (118%), Molibdênio (178%), fósforo (91%), potássio (125%), zinco (60%), apresentam qualidade superior a um alimento produzido de forma convencional.

Fonte: Marina Alasmar.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI