Ageuniara

Escultor araraquarense mostra habilidade em argila

Por: CHRISTIANO KOBAL OLIVEIRA DIAS DE ANDRADE

01/11/2011

Carlos Eduardo Ferreira Pereira trabalha no Centro Universitário de Araraquara (UNIARA) cuidando do estacionamento da instituição. Nos momentos de folga, ele se mostra um artista que atua na pintura, na feitura de mandalas e, principalmente, na escultura de argila, com grande facilidade, sem nunca ter feito aulas de modelagem.

Pereira cria vários tipos de esculturas, mas suas favoritas são as de animais, em especial, de cavalos. “Sempre cuidei de diversos tipos de animais, como cachorros e equinos. A partir disso, memorizei a morfologia desses bichos e aí, comecei a trabalhar com argila, sem nenhuma aula”, relembra o porteiro.

Ele conta que não planejara nada disso. “Estava na rua, e decidi comprar um pouco de argila. Em casa, já fiz meu primeiro trabalho, um gorila que guardo até hoje”, conta.

Dali para frente, Pereira passou a trabalhar mais no seu hobby, criando inúmeras obras.

A prática o ajudou e hoje, pouco mais de um ano desde que começou, o artista consegue fazer um cavalo em menos de uma hora e sem o uso de nenhuma ferramenta. “É tudo manual. Vou moldando, molhando e aí, sai o trabalho”, orgulha-se.

Apesar de se especializar nos equinos, Pereira afirma sua obra de mais destaque: uma arara azul, mascote de uma academia de boxe de Araraquara (SP). “Eu fiz a escultura e pretendo oferecer ao pessoal. Vamos ver o que dizem”, finaliza.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/