[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

Em vista das melhorias que estão sendo realizadas na portaria principal da Unidade I da Uniara, alunos, interessados e colaboradores devem utilizar a entrada localizada na Rua Voluntários da Pátria, 1309 (Rua 5).

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Doenças de pele aumentam no verão

Por: MIRIELI COUTINHO

24/11/2010

No verão estamos mais propensos aos casos de doenças de pele como acne solar, micoses, bicho-de-pé, desidratação, entre outros. Para evitar que isso ocorra, a dermatologista Marina da Silva, dá algumas dicas com os cuidados que devemos ter nessa estação.

Ela explica que a primeira coisa a ser feita é usar o protetor solar o dia todo tanto no rosto quando no corpo, sendo fundamental para evitar que se queime e que se venha a ter câncer de pele, e quanto mais clara a pele maior é o fator de proteção, sendo o ideal usar fator trinta.

“Crianças menores de seis meses não devem ficar expostas ao sol e as maiores devem usar protetores de alto fator e específicos para cada faixa etária. O filtro deve ser aplicado meia hora antes da exposição e reposto a cada duas horas, e deve ser usado em todos os momentos e locais. Os melhores filtros que protegem contra os dois tipos de raios ultravioleta são o UVA e o UVB”, informa Marina.

“O cuidado com os olhos, nesse período, também é muito importante, pois eles sofrem com a radiação, podendo ocasionar problemas de visão como a catarata, por exemplo. Para proteção dos olhos o ideal é usar óculos escuros de boa qualidade e que possuem o filtro contras os raios UVA e UVB”,orienta.

A especialista ressalta que a melhor hora do dia para estar tomando sol é sempre antes das 10h da manhã e depois das 16h da tarde, sendo o horário ideal em que há menos risco à pele. “Além disso devemos ter uma boa alimentação, beber muito líquido, sucos naturais e deve-se esbanjar com as frutas, nessa época, sendo muito essenciais”, observa.

Idalina Siqueira, de Matão(SP), é uma das pessoas que tiveram problemas no verão. “Peguei micose de praia, manchinhas brancas nas costas, como medida preventiva, comecei a usar roupas leves e frescas, de algodão, e evitar ficar com roupas molhadas por muito tempo, e comecei a fazer tratamento com a minha dermatologista. Uma dica: assim que tiver algum sintoma no verão, procure um dermatologista para que ele faça o tratamento correto”, diz.

Rodrigo Bandeli, que também é de Matão, teve o mesmo problema que Idalina, no verão. “Peguei acne solar, que são bolinhas avermelhadas que surgiram, após eu ficar muito tempo em exposição no sol, na parte superior do tronco. Comecei a usar protetores solares não oleosos como o Oil-Free e melhorou bastante, também evitei o sol e fiz tratamento medicado”, revela.

Segundo ele, o verão exige cuidados especiais, e o clima de férias faz com que as pessoas se sintam mais à vontade. “Devemos se cuidar sempre, mas no verão os cuidados tem que ser redobrados. Utilizar sempre protetor solar, óculos de sol, beber muita água, e consumir alimentos leves, para que o verão não acabe como o meu”, finaliza.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/