[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

A Rádio Uniara FM 100,1 está temporariamente fora do ar para ajustes técnicos.

Em breve, toda a programação da rádio estará normalizada. Agradecemos a compreensão de todos os nossos ouvintes

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Usuários da região buscam a boa utilização do Twitter

Por: RENATO DIEGO ALVES DE JESUS

11/11/2009

Neste ano, os usuários da Internet puderam notar a popularização de uma ferramenta on-line que permite aos usuários dizer, em até 140 caracteres, aquilo que lhes vier a cabeça e “seguir” outros usuários para que receba em sua página principal também as suas atualizações.

Quando o Twitter foi criado, em 2006, nem mesmo o mais otimista de seus criadores poderia prever a febre que o utilitário se tornaria anos depois. Hoje, o uso dessa ferramenta já é rotina no cotidiano de muitas pessoas e influencia acontecimentos fora do ambiente virtual, como o encontro real de usuários do programa.

Araraquara não é diferente: a parcela de habitantes da cidade – e da região – que está cadastrada no site cresce a cada dia, fazendo com que uma nova porta de comunicação entre pessoas de diversos locais seja aberta, buscando tirar o maior proveito possível dessa ferramente e aprofundar seus contatos, em diversos níveis. Um grupo de usuários de Araraquara, por exemplo promove periodicamente encontros chamados de Nerds On Beer. Mas do que tratam essas reuniões?

A expressão Nerds On Beer vêm do inglês e significa “Nerds na cerveja”. Os encontros receberam esse nome devido ao tom informal que eles possuem. “Já foram realizados, na cidade, nove Nobs”, conta Wilson Rogério Junior, estudante de ciências sociais, professor de informática e representante do grupo na entrevista. “O primeiro foi realizado em julho no restaurante Galpão, e contou com a presença de 10 pessoas. Alguns deles haviam se visto, mas outros nunca haviam se encontrado antes”, conta.

O grupo, formado por jornalistas, estudantes e formadores de opinião, são interessados em aumentar o convivío “real” e discutir temas atuais, trocar informações e debater formas alternativas de expôr seus trabalhos ao público através da rede. “O NoB tem a proposta de reunir os “twitteiros” (nome dado aos usuários do Twitter) de um determinado lugar, afim de discutirem “sem limites de caracteres” assuntos variados. E fazer amizades”, conta.

Existe uma regra para que os encontros sejam agendados: “Para ser considerado um NoB, o encontro deve ser marcado no Twitter, onde todos possam ler”, conta Wilson. Hoje, o grupo possui mais membros ativos, e as reuniões podem receber até vinte componentes numa mesma edição. Elas acontecem periodicamente, para que, assim como na dinâmica do website, um frequentador possa manter o outro atualizado sobre novidades e sobre o que anda fazendo.

“O Twitter informa de maneira prática e rápida sobre assuntos diversos, uma necessidade da atual sociedade – principalmente para aqueles que o utilizam no trabalho, entre um relatório e outro”, diz o professor. O grupo possui a despretensão necessária para que vá mais longe.

Leia mais no próximo texto

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/