[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

A Rádio Uniara FM 100,1 está temporariamente fora do ar para ajustes técnicos.

Em breve, toda a programação da rádio estará normalizada. Agradecemos a compreensão de todos os nossos ouvintes

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Araraquara tem índice absoluto de dispensa

Por: TAMIRES GONCALVES DA SILVA

26/03/2007

O comércio de Araraquara(SP) tem aproximadamente 7 mil comerciários. A informação é de José de Mattos, presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Araraquara(SECA).

De acordo com ele, no final de 2006, houve um aumento no número de funcionários em função das contratações temporárias.

Mattos explica que aproximadamente 450 pessoas foram contratadas, no período de novembro a dezembro, devido ao crescimento nas vendas.

Mas, a partir de janeiro, ocorreu um "desligamento”, que é a dispensa de empregados temporários e também de grande número de efetivos.

Segundo Mattos,se não ocorrer o desligamento do contrato até o prazo de vencimento, ou seja 30, 60 ou 90 dias, que é o prazo máximo de contrato temporário, não podendo haver prorrogação, automaticamente o contrato se torna por prazo indeterminado.

"O contrato temporário se justifica para atender necessidades emergenciais da empresa, como acréscimo momentâneo de produção ou vendas", explica. Conforme informa Mattos,este ano foi o índice absoluto de dispensa de empregados efetivos em relação aos anos anteriores.

A funcionária Elaine (nome fictício), 23, que atualmente trabalha em uma empresa sediada na Rua 2, no centro de Araraquara, relata que esta trabalhando, desde novembro,mas foi registrada no dia 3 de janeiro e permaneceu, até o presente período, por contrato de experiência de 45 dias, já com prorrogação de mais 45 dias, sendo vencida a experiência no dia 3 de abril.

A funcionária Tatiana Souza, 21, trabalhou em uma empresa localizada no centro de Araraquara e afirma ter sido contratada temporariamente, em novembro, tendo permanecido até o mês janeiro, conforme o contrato.

"No momento em que me contrataram, assinei um documento onde me declarei consciente de que trabalharia somente três meses e depois seria dispensada", informa.

Segundo Tatiana, as contratações de final de ano ajudam."Deveriam existir empregos para todos, mas já que não é assim temos que nos virar do jeito que podemos”, lamenta.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/