Ageuniara

Pesquisador inova técnica para tratamento de câncer de pele

Por: KLEBER JORGE SAVIO CHICRALA

01/04/2005

O pesquisador do Instituto de Física da Universidade de São Paulo, Dr. Vanderlei Salvador Bagnato, 45 anos, diretor do Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica, Ph.D. em Física pelo Massachusetts Institute of Technology – USA, é um dos maiores especialistas na América Latina em laser aplicado em medicina, odontologia e áreas afins.

Nos últimos anos vem somando prêmios pelos seus trabalhos e publicações nacionais e internacionais; e recentemente destacou-se ao ganhar o prêmio nacional “José Reis” de divulgação científica. Bagnato demostra que a nova técnica de tratamento de câncer, em uso isolado ou associada a outros tipos de tratamento pode salvar vidas. Em sua pesquisa, mostra o quanto os resultados estão avançando na direção de consolidar a nova terapia.

Países como Estados Unidos e Rússia já utilizam a técnica, e o Brasil inicia sua utilização com sucesso em pacientes com câncer de pele, cabeça e pescoço. O pesquisador gosta dos desafios da ciência, e aceita a criatividade como fórmula para inovar e implantar novas técnicas na realidade brasileira, barateando os custos no tratamento do câncer feito a base de laser e porfirina.

O novo equipamento criado com LEDs poderá atender pacientes em regiões distantes e o médico utilizará a técnica dentro do consultório, o que reduz o custo e viabiliza a utilização da técnica chamada Terapia Fotodinâmica – PDT, observando a morte do tumor imediatamente após o início da aplicação.

AGEUNIARA: O câncer pode ser considerado a doença do século?

BAGNATO: Sim , considerando que sempre ocupou um lugar de destaque na Medicina Moderna, principalmente quando se avalia o campo de diagnóstico e tratamento. Embora os esforços no sentido de encontrar técnicas cada vez mais modernas vem sofrendo um avanço interessante a partir deste século, considerando a importância das descobertas feitas no decorrer da história.

AGEUNIARA: O que a ciência tem feito para criar novas tecnologias no combate ao câncer?

BAGNATO: Atualmente, a comunidade científica tem realizado grandes esforços com a intenção de desenvolver e implementar novas técnicas para o tratamento do câncer, em suas diversas modalidades e intensidade. Uma destas, que implantamos no Brasil, é a denominada Terapia Fotodinâmica, ou seja, “ Photodynamic Therapy “. Praticamente todo hospital ou grande centro de tratamento do câncer nos países chamados de primeiro mundo já oferecem esta modalidade de terapia no combate ao câncer.

AGEUNIARA: Esta modalidade de tratamento do câncer tem crescido nos países onde está implantada?

BAGNATO: Só para mostrar a importância desta nova terapia, podemos destacar que uma ala hospitalar inteira foi implantada por nossa equipe em parceria com o Hospital "Amaral Carvalho" da cidade de Jaú, onde tratamos pacientes oncológicos semanalmente. Basta dizer que por ano estão sendo realizados cerca de seis encontros internacionais sobre o tema. Além de utilizar as revistas tradicionais de oncologia, os pesquisadores e adeptos desta nova técnica têm agora revistas especializadas abordando o assunto em vários países, a exemplo da revista Photodynamics News. Um bom indicador deste constante e vertical crescimento é o número de novas empresas específicas nesta técnica que estão aparecendo no mercado mundial.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/