202101261824

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Repúblicas de Araraquara criam regras de convivência

Por: KELLY LEONORA PIOTTO

06/11/2004

Por ser uma cidade universitária, Araraquara(SP) conta com várias Repúblicas de estudantes. Geralmente são formadas por três ou mais estudantes que dividem os gastos.

Mas o convívio desses estudantes, que dividem casas com pessoas que muitas vezes nem conhecem, nem sempre é um "mar de rosas".

A estudante do 3º ano de Farmácia da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Araraquara, Maísa Ignácio, diz não ter tido uma boa experiência no seu primeiro ano de Faculdade. “As pessoas acabam invadindo o limite da outra sem perceber, onde desencadeia as diferenças que acabam levando as brigas, foi o que aconteceu comigo”, diz.

Roseli da Silva, que cursa o primeiro ano do Ensino Superior, revela estar assustada em ter que sair tão cedo de casa e seguir regras que não está acostumada, como ter que por nome nas comidas que trouxe de casa, lavar toda louça que usa e dividir quarto.

Embora existam regras , muitas vezes não costumam ser cumpridas. Alguns estudantes que deixam a casa dos pais sentem-se à vontade por não terem que dar satisfação a eles e acabam confundindo liberdade com bagunça.

Na República "Skolachadas", onde seis alunas do Centro Universitário de Araraquara (Uniara) dividem um apartamento, as regras existem. Entre elas: lavar toda a louça assim que usar para não acumular na pia, limpar um cômodo da casa uma vez por semana, ao contrário, paga-se R$ 5,00 de multa, respeitar o sono das colegas e depois das 22h para não incomodar.

Se tudo isso não for cumprido elas fazem a reunião , onde sentam todas na sala para debater os assuntos que estão incomodadas para que resolvam o problema.

"Uma vez eu não estava bem e não pude lavar o banheiro, tive que dar R$ 5,00 para a caixinha de casa, não achei legal, mas se eu não desse poderia virar bagunça mais para frente.”, conta Thais Lotti, que cursa o segundo ano de Enfermagem da Uniara,

Na República masculina "Fornalha", dos estudantes da Unesp, a casa é uma bagunça e eles não se incomodam nem um pouco. " Algumas vezes tenho que lavar um copo no banheiro porque na pia não tem condições, mas a galera é gente fina ", diz Gustavo, morador da República, que mora fora fazem três anos e afirma que nunca reclamou da vida que leva.

As repúblicas estão sempre dando festas e reunindo os amigos.É o exemplo da República masculina "Canil" da Unesp que,inclusive, tem seu site na internet.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/

Saiba o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações. Utilizamos cookies essenciais e analíticos de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

ENTENDI