[ mostrar mensagem ]

COMUNICADO

A Rádio Uniara FM 100,1 está temporariamente fora do ar para ajustes técnicos.

Em breve, toda a programação da rádio estará normalizada. Agradecemos a compreensão de todos os nossos ouvintes

Cordialmente,

Universidade de Araraquara - Uniara

[ ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Rio São Lourenço ganha projeto

Por: MELINA VEZZANI JACINTO

04/11/2004

O rio São Lourenço, em Matão (SP), está poluído, e com o objetivo de conscientizar a população e autoridades, o municípe, Sergio Luiz Figueira, o "Sabará", montou o projeto “Rio São Lourenço: quero ver meu rio limpo” para a despoluição do rio.

O projeto foi lançado pela Secretária Municipal de Educação e Cultura no Dia Mundial do Meio Ambiente e contou com o plantio de 800 árvores.

O projeto foi pensado por "Sabará" em 1979, porém com sua saída da cidade para os estudos, isso foi feito após a sua volta em 2001, quando fotografou todo o rio, desde sua nascente, no córrego "Las Palmas", até seu limite.

Segundo "Sabará", o objetivo do projeto é além de despoluir o rio e seus afluentes, conscientizar as pessoas, pois o projeto não é imediato e os resultados são para aproximadamente dez anos.

Os alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, terão palestras, recolherão dados e ficarão responsáveis por cuidarem e manterem o afluente limpo.

"Com isso os pais, também serão atingidos, assim a conscientização ecológica se espalhará rapidamente.O projeto visa criar uma consciência ecológica com a participação das escolas e dos adultos para um rio limpo e despoluído", diz.

De acordo com "Sabará", o projeto, que está em andamento, vai custar em torno de R$ 100 mil reais.

Ele finaliza um levantamento fotográfico do "Las Palmas" e começou o levantamento do São Pedro, um dos afluentes do rio São Lourenço, que possui 27 afluentes.

Esses 27 afluentes serão visitados, e histórias e dados serão colhidos para o levantamento do local. Moradores serão fontes importantes para o resgate da história do rio e sua recuperação.

As fontes mais importantes de poluição do rio são a emissão de resíduos sólidos, líquidos e gasosos em quantidade superior à capacidade de absorção do meio ambiente, lançamento de substâncias que não existem na natureza, como os inseticidas, emissão de poluentes tóxicos pelas industrias, mineradoras e áreas agrícolas e o lançamento de esgotos nos rios urbanos.

São lançados diariamente cerca de 10 bilhões de litros de esgoto que poluem rios, lagos e áreas de mananciais. Os poluentes entrando em contato com o solo ou com a água podem contaminar também os lençóis de água subterrâneos.

A contaminação, por parte do esgoto, deverá diminuir, pois a construção da Estação de Tratamento de Esgoto, na via "Luiz Gonzaga da Silva Luli", na Pedreira, fará com que a cidade tenha 100% do seu esgoto tratado.

Além de trazer mais empregos, esse tratamento de esgoto, proporcionará uma menor poluição no rio, e sem lixos.

Desta forma, o São Lourenço não terá as constantes cheias que causa transtornos a moradores e comerciantes da rua São Lourenço e suas proximidades.

"Antigamente a população vinha no São Lourenço para pescar e para caminhar em suas margens e é justamente essa imagem que o projeto quer trazer novamente",afirma "Sabará".

Ele ressalta que a participação das pessoas e das entidades é importante." Seja contando uma história sobre o rio ou ajudando na sua recuperação”,.

Mais informações sobre ou projeto podem ser feitas pelo celular( 16) 9113 4543 ou pelo email: sabará@process.com.br.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/