Pesquisadores

Líderes

André Capaldo Amaral possui Doutorado em Ciências Fisiológicas pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar em 2004, Mestrado em Ciências Fisiológicas pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar em 1998 e Graduação em Fisioterapia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP em 1994. As atividades de pesquisa são direcionadas à área de Biotecnologia aplicada a saúde, nas linhas de medicina regenerativa aplicada ao reparo musculoesquelético, química medicinal e biopolímeros, e à área de Ciências da Saúde na linha de Fisioterapia Esportiva, com ênfase no tratamento e prevenção das lesões musculoesqueléticas. Líder do Grupo de Pesquisa em Química Medicinal e Medicina Regenerativa da Universidade de Araraquara (QUIMMERA/Uniara/CNPq). Coordenador do Laboratório de Cultura Celular e Engenharia de Tecidos da Uniara. Docente do curso de Fisioterapia da Universidade de Araraquara nas disciplinas de Fisioterapia em Ortopedia e Traumatologia e Fisioterapia Esportiva, além da Supervisão no Estágio de Fisioterapia em Ortopedia e Traumatologia e Fisioterapia Esportiva.
http://lattes.cnpq.br/0598732865615067

Wilton Rogério Lustri possui graduação em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Araraquara (1989), mestrado em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Rio Claro (1995) e doutorado em Biotecnologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Araraquara (2004). Atualmente é Coordenaador Adjunto do Programa de Pós-Graduação Acadêmico Biotecnologia em Medicina Regenerativa e Química Medicinal - Uniara, professor de Biologia molecular e Bioquímica, Farmacologia Básica e Clínica no curso de Medicina da Universidade de Araraquara, membro do Comitê de Assessoria de Pós Graduação Stricto Sensu da Universidade de Araraquara - Uniara. Tem experiência na área de Microbiologia, Farmacologia, Química Medicinal, Biologia Celular e Molecular e Imunologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Síntese de complexos metálicos e nanopartículas para uso como agentes antibacterianos, anti-inflamatórios e antitumorais. Análise microbiológica de compostos metálicos em medicina, Medicina regenerativa no reparo músculo-tendíneo, Medicina regenerativa no reparo osteocondral, Biossíntese de biopolímeros baseados em celulose bacteriana, Modificação genética de bactérias do gênero Gluconacetobacter para incremento da produção de celulose bacteriana. Uso de membrana de celulose bacteriana como substituto temporário de pele, Uso de membrana de celulose bacteriana impregnada por nanopartículas de prata no tratamento de ferimentos por queimadura, Uso de membrana de celulose bacteriana como suporte de complexos metálicos de Cobre, Paládio, Platina, Prata e Ouro com atividade antimicrobiana e antitumoral. Líder do Grupo de Química Medicinal e Medicina Regenerativa-QUIMMERA (CNPq).
http://lattes.cnpq.br/8058174156603507

Pesquisadores

Antônio Carlos Massabni é professor titular aposentado e colaborador no Instituto de Química da UNESP Araraquara. Possui Licenciatura em Química (UNESP - 1966), Bacharelado em Química (UNESP - 1967), Doutorado em Química Inorgânica (UNESP - 1973). Foi diretor do Instituto de Química de Araraquara - UNESP (1988-1992), Assessor da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (1994 a 1996), diretor de fomento à pesquisa da Fundação para o Desenvolvimento da UNESP / FUNDUNESP (1997 a 2001), conselheiro suplente no Conselho Regional de Química (CRQ-IV) (2005-hoje). Tem ampla experiência na área de Química Inorgânica e atualmente tem trabalhado na pesquisa e desenvolvimento de complexos de paládio(II), platina(II), ouro(I) e prata(I) com potencial atividade na inibição de células tumorais e inibição de micobactérias, em especial, a micobactéria causadora da tuberculose. É revisor, há mais de 10 anos, das revistas Journal of the Brazilian Chemical Society, Journal of Coordination Chemistry, Química Nova, Water Air and Soil Pollution, entre outras. Até agosto de 2011, possui 84 artigos publicados , 3 patentes, 197 trabalhos apresentados em eventos, 6 participações em bancas julgadoras de concursos para professor titular, 7 para livre-docência e 21 para doutoramento (na plataforma Web of Science (ISI) possui 65 trabalhos publicados com 234 citações (h=8)).
http://lattes.cnpq.br/6415794638806102

Creusa Sayuri Tahara Amaral tem pós-doutorado pela Universidade de São Paulo, Departamento de Engenharia de Produção, na área de Desenvolvimento de Produto, doutorado em Engenharia Mecânica pela Universidade de São Paulo (2001), na área de Sistemas de Manufatura, mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos (1995) em Gerenciamento da Produção e Bacharelado em Estatística pela Universidade Federal de São Carlos (1992). Experiência no ensino de Estatística, Simulação de manufatura e análise de dados de pesquisas. Desenvolve pesquisas nas áreas de Desenvolvimento de Produtos, Modelagem de Processo e Análise de Dados. Coordenadora do Núcleo de Inovação e Desenvolvimento de Produtos Biotecnológicos - Parque INOVA - São Carlos. Líder do Grupo de Pesquisa de Engenharia de Produção Aplicada à Biotecnologia.
http://lattes.cnpq.br/4194600102589647

Hernane da Silva Barud possui doutorado (2010) e mestrado (2006) em Química pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP. Graduado em Química (Licenciatura e Bacharelado) (2003) pela Universidade Federal de Juiz de Fora UFJF.Coordenador de projeto PIPE/FAPESP fase II junto a empresa Apis Flora LTDA. Pesquisador associado a Universidade de Araraquara (Uniara) e no IQ/UNESP-Araraquara no Laboratório de Materiais Fotônicos. Participou do programa Jovem pesquisador Reitoria/UNESP com projeto desenvolvido no IQ/UNESP-Araraquara (2012-2013). Foi bolsista Rhae/SET 3B pela empresa Apis Flora LTDA (2010-2012). Tem experiência na área de Química, com ênfase em Química de Materiais, Polímeros Naturais, Química Inorgânica, Biomateriais, atuando principalmente nos seguintes temas: celulose bacteriana, nanocompósitos, biomateriais, dispositivos flexíveis (OLEDs), derivados de celulose, coacervatos de polifosfatos. Tem experiência na caracterização de materiais utilizando, principalmente, as seguintes técnicas: MEV/EDS, MET, AFM, TGA, DSC, FT-IR e RMN. É ainda assessor cientifico das principais agências de fomento do país, e de importantes periódicos científicos nacionais e internacionais. Tem 36 trabalhos publicados com 296 citações (h=9) e 7 patentes.
http://lattes.cnpq.br/7020467292690112

Jose Angelo Camilli possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1984), mestrado em Ciências Biológicas, área de concentração Anatomia, pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1987) e doutorado em Ciências Biológicas, área de concentração Anatomia, pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1992). Atualmente é Prof. Livre Docente do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) em regime de trabalho RTC e Prof. Titular da Universidade de Araraquara (Uniara). Tem experiência na área de Morfologia, com ênfase em Anatomia Humana, atuando principalmente no campo da bioengenharia e regeneração do tecido ósseo.
http://lattes.cnpq.br/3192318741315545

Luis Henrique Montrezor tem pós-doutorado pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Jaboticabal. Mestrado e Doutorado em Ciências (Fisiologia Humana) pela Universidade de São Paulo - FMRP. Graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Jaboticabal. Atualmente é Professor da Universidade de Araraquara - Uniara e do Centro Universitário Barão de Mauá nas disciplinas: Fisiologia e Biofísica. Tem experiência em pesquisas na área de Fisiologia da Reprodução, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura de células, esteroidogênese ovariana, metabolismo e dinâmica folicular. Membro do Grupo de Pesquisa QUIMMERA - Uniara/CNPq, atuando principalmente com cultura de células, fatores de crescimento e medicina regenerativa. Membro da Comissão de Ensino da Sociedade Brasileira de Fisiologia (SBFis).
http://lattes.cnpq.br/3077804357190635

Nivaldo Antonio Parizotto tem graduação em Fisioterapia na PUC de Campinas, mestrado em Fisiologia pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP) e concluiu o doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas em 1998. Atualmente é professor titular da Universidade Federal de São Carlos. É pesquisador 1-B do CNPq. Publicou 98 artigos em periódicos especializados e 104 trabalhos em anais de eventos. Editou um livro e tem 5 capítulos de livros publicados. Possui 1 produto tecnológico, 3 softwares e outros 2 itens de produção técnica. Participou de vários eventos no exterior e 17 no Brasil. Orientou 19 dissertações de mestrado e co-orientou 7, orientou 14 teses de doutorado e co-orientou 3 teses de doutorado, além de ter orientado 22 trabalhos de iniciação científica e 39 trabalhos de conclusão de curso nas áreas de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Engenharia Biomédica e Medicina. Tem sido convidado para palestras e cursos de formação em diversas instituições nacionais e no exterior. Já ministrou cursos nos EUA, Portugal, Costa Rica, Argentina, Peru entre outros. Recebeu 6 prêmios e/ou homenagens. Atualmente coordena 7 projetos de pesquisa. Foi chefe de departamento por duas gestões e Coordenador de Curso de Graduação (duas gestões). Teve atuação nos conselhos superiores da UFSCar (ConsUni e CEPE) por várias ocasiões. Atua nas áreas de Fisioterapia, Bioengenharia e Biotecnologia. Em suas atividades profissionais interagiu com 258 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Foi o fundador e primeiro presidente do Comitê de Ética em Pesquisas com Seres Humanos (CEP-UFSCar) e da Comissão de Ética em Experimentação Animal (CEEA-UFSCar). Foi membro da Comissão de Educação do COFFITO e conselheiro suplente e membro da Comissão de Ética de Fisioterapia do CREFITO-3. Foi membro da diretoria da ADUFSCar (seção sindical dos professores da UFSCar). Foi indicado para compor o Comitê Científico Internacional da World Association for Laser Therapy (WALT). Membro fundador da International Society for Electro Physical Agents in Rehabilitation (ISEPA) e da Associação de Editores de Revistas da Área de Fisioterapia, ligada à World Confederation for Physical Therapy. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: laser, reparo tecidual, Fisioterapia, ultrassom, inflamação, dor, osso, tendão, laser de baixa intensidade, eletroestimulação, engenharia de tecidos, biomateriais.
http://lattes.cnpq.br/5527703735628408

Osmir Batista de Oliveira Junior possui graduação (1985), Mestrado (1993), Doutorado (1994) e Livre Docência (2009) em Odontologia/ Dentística Restauradora pela Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho - UNESP. É Professor Adjunto Doutor em RDIDP (dedicação exclusiva), do Departamento de Odontologia Restauradora da Faculdade de Odontologia de Araraquara da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP, membro do Conselho de Pós Graduaçao em Ciências Odontológicas, Chefe do Departamento de Odontologia Restauradora. Concentra seu interesse nas áreas de Odontologia Estética, Nanotecnologia, Clareamento Dental, Cariologia, Prevenção, Empreendedorismo e Desenvolvimento de Soluções Tecnológicas para Odontologia. Foi Pesquisador PEII - FAPESP (2002-2007). Co-Inventor do ScanWHITE - software para avaliação do nível de clareamento dental com patente (registro) deferido pelo INPI - processo no. 08456-6. Tem experiência na elaboração de plano de negócios e negociação e parceria com empresas. Atualmente é pesquisador responsável pelo projeto FAPESP (2010/08873-5) sobre efetividade de nanoclareadores contendo partículas de TiO_N. É orientador de alunos de Mestrado, Doutorado e Iniciação Cientifica - com bolsas CAPES, Pibic/CNPQ e FAPESP.
http://lattes.cnpq.br/0170241211219616

Pedro Paulo Corbi é professor do Departamento de Química Inorgânica do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP. Coordenador do Grupo de Química Bioinorgânica e Medicinal e membro do Grupo de Pesquisa em Química Medicinal e Medicina Regenerativa - QUIMMERA/Uniara.
http://lattes.cnpq.br/5103173900175398

Sidney José Lima Ribeiro é professor titular no Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Araraquara. Membro da Academia de Ciências do Estado de São Paulo, Membro da Coordenação de área de Química da FAPESP, assessor cientifico das principais agências do país (CAPES, CNPq e FAPESP), NSF (Estados Unidos), CNR (Itália).
http://lattes.cnpq.br/6446047463034654

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N